A rainha do toma lá da cá: “Mamãe Dilma” diz que reforma sairá se os vetos forem mantidos

29 de setembro de 2015


Dilma_Cunha

Ela condiciona reforma ministerial à manutenção dos seus vetos.

Por Claudio Humberto

Deputados do PMDB ameaçam recuar na negociação – para indicar dois ministros – indignados com a atitude da presidente Dilma. Após “bater o martelo”, ela decidiu adiar a reforma para depois de retorno dos Estados Unidos, mas isso nada teve com eventuais dificuldades de negociação. É que ela decidiu condicionar a reforma ao comportamento do PMDB nos vetos presidenciais, ainda pendentes de votação.

Os vetos de Dilma evitam aumentos de diversas categorias aprovados pelo Congresso que acarretariam em bilhões a mais no Orçamento.

Isso que ela [Dilma] está fazendo com PMDB não vai dar certo”, diz Jarbas Vasconcelos (PE), que considerou a viagem dela dispensável.

Para Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), “a emenda será pior que o soneto: o adiamento só reforça a insegurança como característica do governo”.

O PMDB indicou o deputado Manoel Jr (PB), crítico do “Mais Médicos” para ministro da Saúde. Ele também pregava a renúncia de Dilma.

COMENTÁRIOS

Facebook

Receba Novidades