Idoso de 67 anos mata suposta amante de 18 anos a facadas em Simões sertão do Piauí.

6 de julho de 2015


Uma jovem de apenas 18 anos, identificada apenas por Carla Carvalho, foi brutalmente assassinada a facadas na tarde deste sábado, 04, na cidade de Simões, situada a 443 km de Teresina.

Rodrigues foi apresentado na Delegacia Regional de Polícia Civil, em Simões, onde está sendo autuado em flagrante.

1

Segundo apurou a polícia, o crime teria motivação passional. O idoso teria um caso amoroso com a vítima, que acabou morta por não aceitar o convite para manter relação sexual. A jovem levou uma facada no peito e morreu na hora. O corpo está no hospital de Simões.O crime aconteceu por volta das 16h, em um bar situado no bairro Centro. A Polícia Militar foi acionada e conseguiu capturar o autor do crime, o aposentado Rodrigues Domingos dos Santos, de 67 anos. Ele tentava fugir a pé e foi localizado cerca de 10 minutos depois, a dois quarteirões do local onde ocorreu o crime, com sinais de embriaguez.

O autor do crime reside no povoado Ingazeira, zona rural do município de Caridade do Piauí. Já a vítima, reside na cidade de Curral Novo do Piauí. O casal costumava se encontrar na cidade de Simões, geralmente aos sábados, quando acontece a feira livre do município.

Esse é o segundo homicídio registrado na cidade de Simões em apenas nove dias. O último aconteceu no dia 25 de junho. A vítima, o cabeleireiro Antônio Aparecido Vidal Rocha, de 51 anos, foi assassinado também a golpes de faca. O autor do crime também foi preso pela Polícia Militar cindo dias depois.

IMG-20150704-WA0160

Após notícia do segundo crime, o tenente Ricarte, comandante do Grupamento da Polícia Militar da cidade de Simões, falou sobre o trabalho quem vem sendo realizado. “Asseguro a todos que o trabalho da Polícia Militar está sendo feito. Hoje mesmo foi realizada uma operação de abordagem em todos os bares da cidade. Além disso, temos realizado blitz constantemente, uma ação de prevenção e repressão a todo tipo de práticas delituosas”, disse.

O oficial da PM lamentou as mortes e destacou que, nos dois casos, os homicidas foram presos em flagrante delito. “Isso mostra eficácia no trabalho da polícia. No que compete à Polícia Militar, estamos realizando, intensificando as nossas atividades, mas precisamos de mais ações”, disse. Ricarte manifestou sua preocupação com a segurança pública, se colocou à disposição das demais esferas do poder público, para juntos buscarem soluções precisas de combate à criminalidade. “Convocamos toda a sociedade de Simões a nos ajudar naquilo que for dever e responsabilidade do cidadão, de forma democrática e dentro da legalidade, conforme os ditames da Justiça”, pontuou.

COMENTÁRIOS

Facebook

Receba Novidades