Bombeiros fiscalizam comércio de fogos de artifício em Ouricuri e Araripina
23/06/2015
Com São João, PF orienta para o recebimento de notas falsas no Sertão
23/06/2015

Além do abate clandestino, foram encontradas duas aves asa branca.
Multa foi de R$ 753 e caso será levado para MP.

Do G1 Petrolina

captura

Abate clandestino de Ovino em Petrolina (Foto: Divulgação/Gabriela Moura)

Uma pessoaque estava realizando abate clandestino e tinha, sem autorização, duas aves ‘asa branca’, espécie ameaçada de extinção, recebeu uma multa no valor de R$ 753 nesta segunda-feira (22). O flagrante aconteceu no bairro Maria Auxiliadora, na região central de Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

A denúncia foi feita à Vigilância Sanitária que solicitou reforço da Polícia Militar para averiguar o caso. Ao chegar ao local apontado pelo denunciante, foi encontrado, além de um ovino em processo de abate, características de que a atividade era recorrente e as duas aves em cativeiro.

“A pessoa alegou que era abate para consumo próprio, mas havia indício de abatimento clandestino, como a presença de cordas. O trabalho era realizado em um muro sem nenhuma condição sanitária”, explicou o diretor-presidente da Vigilância Sanitária, Jarbas Costa.

As aves foram entregues no Batalhão de Infantaria Motorizado (72 BIMTz) e estão à disposição no Parque Zoo-Botânico da Caantiga. Além da multa, a PM registrou um boletim de Ocorrência e o caso será encaminhado para o Ministério Público, segundo Jarbas Costa.

Deixe uma resposta